23
Jan

A Maria Antonieta moderna na Chanel Haute Couture

Getty Images

O dia era de neve na terça feira em Paris (dia que regradamente acontece os desfiles da Chanel na temporada de Alta Costura), mas parece que karl Lagerfeld além de um espetacular designer, agora também prevê a temperatura e, lógico, faz o contrário. Na temporada passada, em meio á chuva, o Kaiser trouxe uma praia para o cenário da Chanel – aqui – dessa vez, em meio a neve espeça, ele nos apresenta uma locação bem tropical com altos pinheiros numa coleção que foi batizada de ”Villa Chanel” longe do clima real que estava em Paris.

O primeiro bloco de looks do desfile é marcado por um mood mais romântico (percebe-se pela trilha sonora) onde os looks a lá francesa vem primeiro. Logo depois a trilha se transforma em algo mais dramático, pesado entrando em uma simbiose perfeita com os looks mais estruturados, em saias bufantes e cortes geométricos.

As peças eram bem alinhadas, com bastante pluma, pedraria, bordados e florais traduzidos em looks volumosos inspirados no século XVIII. Os acessórios conversavam diretamente com os looks, em brincos de brilhantes e sapatos altos tipo Mule.

O truque de Styling mistura, na medida, o clássico e o moderno (despertando aquele desejo que só a Chanel sabe criar, que passa da neta para a avó, da mulher mais clássica até a mais moderna, conversando com todas elas e despertando a sensação de desejo para a famosa mulher Chanel) como em um look branco total drama de saia longa de tule e plumas com uma mini jaqueta de couro estilo motoqueiro.

No final do desfile, a noiva da Chanel aparece de maiô cintilante, com uma espécie de touca capacete que dava sustentação a um longo véu.

Para a surpresa de todos os 600 espectadores, Karl Lagerfeld não saiu para agradecer e sim sua braço direito Virginie Viard, alimentando ainda mais o boato de aposentadoria.

No geral foi um desfile bem completo, em uma estética bem Chanel, onde dessa vez o tweed apareceu reinventado em lã. Como foi bastante comentado em outros desfiles, parece que a estética francesa e a estética italiana estão se misturando (seja no comportamento, no corte, costura etc) e Karl cinematograficamente nos levou a uma clássica vila italiana. Agora, vamos aguardar quais serão os próximos passos de Lagerfeld na Chanel, ou, quem sabe, fora dela.

Até o próximo…

XOXO




Compartilhe:

0 Comentários

07
Mar

O cafona chic: A genial inversão da Balenciaga

Mais um PFW terminou, e dessa vez, a Balenciaga que dominou a semana de moda parisiense. Com uma passarela de chão branco, remetendo a neve, numa coleção inspirada em snowboard, outwear e frio extremo, além de uma montanha de 20 metros, toda grafitada… Assim começou o desfile da Balenciaga!

 

Foi a primeira vez, que o estilista Demna Gvasalia, apresentou uma coleção mista, masculino e feminino, além da parceria da marca com a PMA (Programa Mundial de Alimentos) mostrando uma série de peças com o logotipo da organização, e a locação – ao norte de Paris- já era reflexiva por si só, pois os convidados tinham que passar perto da maior área de refugiados da cidade, refugiados assim como o próprio estilista, que teve que sair de Georgia com a sua família, quando criança, por conta da guerra com a Russia.

Os looks, foram, no mínimo, marcantes, vestidos curtos com animal print de zebra e jaquetas com ombros marcados, assim começa a definição de cafona chic da coleção. Além disso, o desfile contou com parkas gigantes, e volume é a palavra chave para essa coleção 

”O gosto, o mal gosto, o gosto burguês” diz Demna, que ao meu ver, ele realmente zomba da moda burguesa, porquê, como eu disse, no título do post, a coleção foi marcada, principalmente, por aspectos cafona, como as fendas bi-laterais, num vestido comprido de zebra. E Demna faz isso com a consciência de que esses cortes e ”tendências” serão copiadas no mundo todo, porém ele é tão genial, que a construção das peças eram impecáveis, como a construção 3D em algumas peças, cujo ele fez o scan no corpo, passou numa impressora 3D, pegou o tecido(tweed, lã) e moldou em cima de uma base foam super leve, e o resultado foi esse da foto a cima.

Outra coisa que me chamou MUITO atenção no desfile, foi o casting: Composto por modelos com verrugas, sem sobrancelha, infelizmente, todos magros, porém, para um desfile em Paris, em uma grife de peso como a Balenciaga, acho que estamos caminhando para o fim da perfeição e do maldito padrão, na moda! Amém, né?

A medida que o desfile foi acontecendo, os looks foram ganhando volume e quantidade; alguns deles chegaram a ser compostos por 5 peças, apenas na parte de cima ( sabe aquele jeitinho brasileiro de colocar uma peça em cima da outra, quando está frio? então, foi exatamente isso)

Sem sombra de dúvidas, as parkas e o uso do xadrez escocês foram  o ápice de um desfile maravilhoso, cheio de conceito por traz do show.

este é meu fav de todos!!!

 

E aí, o que acharam do desfile? Comenta aí!

XOXO

 

 

 

 

 

 




Compartilhe:

0 Comentários

30
Set

#PFW – A selva da Balmain

A temporada de moda começou e já está acabando!! Já se passou NYFW, LFW, MFW, agora a mais de legal de todas ( na minha opinião), Paris Fashion Week foi iniciada e já começou derrubando tudo. ( Aguardem a  SPFW)

Que Paris é considerada a semana de moda mais importante não é nenhuma novidade. lá que tudo se inicia, lá que desfilam as maiores e mais clássicas maisons e é lá que a Haute Couture acontece.

Agora vamos falar sobre a marca queridinha das Kardashians e de Kanye West… A Balmain

balmain

Sem dúvidas a selva dominou a Balmain nessa temporada e, claro, para fazer jus ao tema, fluidez é algo que não poderia faltar… E não faltou! As peças são todas puxadas pro tom terroso, com muita amarração, corte geométrico e muita, mas muita fluidez.

balmain+paris+fw+garotos+urbanos

Óbvio que Kim Kardashian não perderia a grife de carteirinha dela, e óbvio que sutil não é uma palavra que combina com a socialite. No snap ela postou uma foto, mostrando sua silhueta enxuta, de dar inveja!

 

kim+kardashian+garotos+urbanos

O que acharam? comenta aí!

Amo fashion week, pois rende muito post legal.

 

Até o próximo…

XOXO

 

 




Compartilhe:

0 Comentários

29
Jan

The last one – O streetstyle da Haute Couture de Paris

Olá gente, aproveitando o fim da Semana de Alta Costura de Paris (28) e o inverno de Paris, que está sendo composto por dias gelados, frios, e até ensolarados, os fashionistas estão mostrando looks high fashion e até hi-lo. O importante é que a semana de moda mais importante do mundo continua trazendo a essência clássica/moderna de Paris com um toque refinado de modernidade.

PARIS, FRANCE - JANUARY 27: Fashion editor of Repubblica.it Simone Marchetti wears Valentino shoes, Missoni sweater, Prada clutch, Jill Sander glasses, Raf Simons pants, hand tailor made coat  day 3 of Paris Haute Couture Fashion Week Spring/Summer 2015, on January 27, 2015 in Paris, France. (Photo by Kirstin Sinclair/Getty Images)

paris-fashion-week-fall-winter-2014-2015-street-style-13

838267_orig

Street-Style-Paris-Haute-Couture-Fashion-Week-Fall-2013

street-style-poncho-2015-fall-trend-4

slide_475120_6482026_free

FASHION TEAM!
FASHION TEAM!

E aí, o que acharam?

XOXO

 




Compartilhe:

0 Comentários